Análise de vibração on-line

Análise de vibração on-line

Solução de monitoramento de condições mecânicas em máquinas girantes

SIM, DEFEITOS DE MANUTENÇÃO PODEM SER PREVENIDOS!
Quem conhece a NORTEL sabe que quando o assunto é MRO (Manutenção, Reparo e Operações), ela está por dentro de toda e qualquer inovação. Uma das que merece a sua atenção é a nova forma de fazer manutenção por meio da predição.

Soluções que conseguem prever defeitos em máquinas e processos, com até meses de antecedência e monitoramento em tempo real, já são realidade e estão sendo cobradas pelas principais tecnologias da indústria 4.0. Exemplo disso é o monitoramento de condições mecânicas: análise de vibração de máquinas girantes.

Continue acompanhando e conheça o processo em detalhes. Dominar esse novo método de manutenção é fator indispensável para as empresas que visam manter e potencializar sua competitividade no cenário atual.

NOVO MÉTODO DE MANUTENÇÃO
Os métodos de manutenção que antes eram apenas corretivos, agora são preditivos. Isso quer dizer que eles estão um passo além da prevenção.

Costumeiramente, a manutenção era realizada com base no tempo de uso dos equipamentos. Ou seja, a graxa é reforçada a cada três meses, o alinhamento do motor é verificado a cada seis meses, os rolamentos são trocados a cada doze meses e assim por diante.

Agora, baseado no monitoramento de condição, o novo método refinou todo o processo. Cada operação passa a ser assistida com mais critério e continuidade, assegurando uma manutenção mais precisa e uma redução de custos expressiva (50 a 80% segundo pesquisa da Plant Performance Group).

A predição indica o momento exato em que as verificações preventivas e ajustes corretivos devem ser realizados, permitindo um diagnóstico precoce e um prognóstico de atuação completo.

MONITORAMENTO DE CONDIÇÕES MECÂNICAS EM MÁQUINAS GIRANTES
É possível fazer o monitoramento de condições mecânicas de diversas formas: visual (por meio de fumaça, indicando danos no motor em minutos), sensibilidade térmica (por meio de calor, indicando danos em dias), ruído (por barulho incomum, indicando danos em semanas), dentre outros.

A predição permite que esse cuidado seja otimizado, por isso a sugestão da NORTEL para máquinas girantes é a adoção do monitoramento por análise de vibração on-line. Essa tecnologia identifica e indica a presença de anormalidades com antecedência de meses.

ANÁLISE DE VIBRAÇÃO ON-LINE
A análise de vibração on-line é uma solução de monitoramento excepcional porque assegura diagnósticos em tempo real.

Muitas empresas já realizam análises de vibração, mas com medições periódicas a cada um ou dois meses, o que torna o procedimento eficiente mas pouco eficaz. Em outras palavras, como existem falhas com tempos de deteriorações diferentes, uma análise inconstante, mesmo que periódica, pode identificar falhas com atraso ou comprometer a realização de medidas preventivas.

BENEFÍCIOS

  • Estoque de peças de reposição efetivo;
  • Ciclo de vida das máquinas mais longo;
  • Apoio à tomada de decisões (paradas, onde investir, etc.);
  • Intervalos de manutenção mais longos;
  • Disponibilidade mais elevada;
  • Proteção do investimento.

POSSÍVEIS FONTES DE VIBRAÇÃO

  • Falha na montagem (base dos motores);
  • Desbalanceamento;
  • Desalinhamento;
  • Falha em campos magnéticos do motor;
  • Falha em redutores;
  • Falhas em rolamentos;
  • Frequência de ressonância;
  • Falhas em palhetas.

QUER VER UM EXEMPLO?
A SIEMENS, uma das maiores parceiras da NORTEL, oferece um CLP (Controlador Lógico Programável) de baixo custo para aplicações exclusivas de pequeno e médio porte (SIMATIC S7-1200), que conta com um módulo de análise de vibração, o SM1281.

Esse módulo entrega os valores de vibração de cada classe de máquina, de acordo com as normas da ISO 10816-1, indicando se a operação tem tempo longo, curto ou se já está causando algum dano.

Ele também é capaz de acessar a internet, com um IP diferente da do CLP, para configurar os dados dos rolamentos, acompanhar o diagnóstico via espectro de frequência de vibração e histórico de alarme de falhas de vibração. Assim, assegura um controle mais sensato e realista.

Além disso, o SM 1281 ainda se destaca no mercado por ter uma estrutura simples, com padrões abertos, possibilidade de integração de outras tecnologias, tais como:

  • Outros CLPs (via redes industriais);
  • OIHM’s;
  • OSistemas Supervisórios;
  • Omódulos IoT (Internet of Things) em nuvem;
  • OMES (Manufacturing Execution System);
  • OPIMS (Plant Information Management);
  • OERP (Enterprise Resource Planning).

De forma geral, esse novo método de manutenção tem se tornado cada vez mais acessível, viabilizando operações para indústrias de todos os segmentos.

Se você quiser saber mais detalhes, recomendamos a leitura deste artigo especial de um de nossos especialistas: Clique aqui!

Gostou? Compartilhe nas redes sociais!